Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
Música e liturgia

02/09/2010
CN Música | Formação
 
Dicas sobre a postura que os ministros de música devem adotar em animações litúrgicas, especialmente nas Celebrações Eucarísticas:

– Na Celebração Eucarística, o presidente é o sacerdote; portanto, antes de toda e qualquer celebração, converse com o sacerdote e exponha o que o ministério preparou em unidade com a equipe de liturgia.

– Sei de toda complexidade e até das diferentes interpretações sobre a liturgia que alguns padres dão. Em todo caso, vale a máxima: "Quem obedece não peca". Portanto, consulte o padre e obedeça-lhe.
Se você tiver conhecimento o bastante e abertura com o sacerdote, pode defender sua opinião. O diálogo nos faz crescer. Mas converse em outro momento, não poucos minutos antes do início da celebração.

– Missa não é show!

– Não chame a atenção do povo para si ou para seu grupo. Na Missa, Jesus é o centro.

– Não desvie a atenção das pessoas com "caras e bocas" durante a interpretação de uma música, nem na execução de um solo instrumental.

– Não converse durante a Celebração Eucarística. Escolha antecipadamente as músicas e seus respectivos tons. Se houver extrema necessidade de algum diálogo, faça-o da forma mais discreta possível. Nada mais desagradável do que um ministério se entreolhando com ar desesperado, de "qual a próxima música?" ou "qual o tom?".

– Não use, durante a Santa Missa, roupas com cores fortes ou estampadas, a não ser que você seja convocado de surpresa e não tenha condições de se trocar.

– Não use, de jeito nenhum, roupas sem mangas, decotadas, transparentes ou bermudas durante a Celebração Eucarística.

– Escolha os cânticos de acordo com as leituras e o tempo litúrgico. Não se pode cantar os hits, a não ser que se encaixem com o tema da celebração.

– Algumas fórmulas da Missa, como o "Cordeiro de Deus" não podem ser modificados. Estude liturgia, pois nela não dá para improvisar.

– Não queira ser um ministro de música "garçom", que apenas serve aos outros o banquete. Participe ativamente de cada momento da celebração, sente-se à mesa. Você também é um "feliz convidado para a ceia do Senhor".

Voltar

 
| Política de privacidade © 2009 - 2017 Paróquia São João Bosco. Todos os direitos reservados.